Teste Teste Teste Teste

último filme :
FILMES RECENTES
VER COMO:

Leitura atual

Resenha - Formaturas infernais "Autores diversos"






História: Madison Avery e a morte
Autor(a): Kim Harrison
Editora: Galera Record
Número de páginas: 318 (105-171)
Skoob: Aqui!
  Nessa emocionante coleção de contos de terror, as autoras bestseller Meg Cabot (O Diário da Princesa), Stephenie Meyer (Twilight), Kim Harrison, Michele Faffe e Lauren Myracle se reuniram para mostrar que a formatura pode ser um evento muito mais aterrorizante do que se pensa. Problemas no guarda-roupa e um par que dança mal não são nada comparados a descobrir que vocês está dançando com a Morte – e que ela não está aqui para elogiar seu vestido.
   De problemas com vampiros até uma batalha entre anjos e demônios, estas cinco histórias vão divertir mais do que qualquer DJ em um terno brega. Nada de limusine ou vestido de gala: só uma grande dose de assustadora diversão.
 
    Olá... Vamos a mais uma resenha do livro formaturas infernais. Desta vez a história a ser resenhada é Madison Avery e a morte de Kim Harrison, aproveite e visite as outras resenhas.
  
     Tudo já começa na formatura, Madison está completando também seus 17 anos. No começo Madison Avery não está gostando nem um pouco da festa de formatura (tema "Piratas") e está acompanhada de Josh (o garota magro e alto que ela acha idiota).
     
    Tudo muda depois da chegada de um garoto (roupa de pirata feito de seda, uma mascára que tampa toda a parte de cima do rosto. Olhos azuis - O nome dele? Seth)que conquista toda atenção de Madison (eles se esbarraram e depois se comprimetaram). Eles começam a conversar e a dançar, até que rola aquele beijo de sempre (caloroso e sensual). Seth leva Madison para o estacionamento e pergunta se ela já tem carona, Madison fica meio que desconfiada (claro, ela nem conhece o cara!), mesmo assim ela aceita a carona (ela liga para pai primeiro). Josh seu acompanhante a segue pelo estacionamento e a tenta convencer de que ele é um estranho. Madison, mesmo com os avisos de Josh entra no carro.
     
    Josh os segue por toda a estrada que leva para casa de Madison. Seth não é um cara bom, ele causa um acidente proposital, que quase mata Madison. Mesmo depois do acidente resiste, Seth não se conforma e acaba matando Madison com uma pequena foice (que incrívelmente não deixa marcas de corte), Seth é uma especíe de agente da morte. Madison acorda em um necrotério junto a duas pessoas (Barnabas e Lucy - dois anjos da morte), que a tentão convencer que ela esta morta. Madison sem acreditar se afasta até que vê seu copo deitado em uma maca. Como ela vai lidar com a morte, mesmo com sua alma vagando por ai? E que desafios ela terá que enfrentar? Será que tem solução?
   
    Bem, eu não gostei nada dessa história, é boa, mais não é aquela história que anima muito, sabe? A autora fugiu muito do tema, tipo ela começou na formatura, ai Madison conheceu Seth e foi embora. Gente o livro se chama formaturas infernais! As duas primeiras histórias são mais relacionadas com a formatura, mais essa. Não gostei! Acho que a autora tem uma imaginação muito fértio, mais sei lá! A história não tem fim e acho que ela so termina no outro livro, ou não. Em breve as outras duas e últimas resenhas do livro, ok?

Classificação: 3.4 de 5.0

Comentem e até a próxima...

Obs: Devido ao novo modelo do blog, a barra de comentários está acima do post, muito obrigado e não esqueçam de comentar.
Avalie:

Entrevista - Carolina Munhóz "A fada"

   Olá leitores, como estão? Bem hoje sai ao ar nossa primeira entrevista do blog \o/, e abrimos essa coluna com a nossa querida Carolina Munhóz autora do livro a fada, querem saber mais dela? Ai vai logo abaixo um pouco sobre ela, sua obra e claro a entrevista, confiram!


Sobre a autora

    Carolina Munhóz é jornalista, romancista e integrante do Potterish, um dos maiores sites de Harry Potter do mundo.
     Aos 11 anos aguardou sua carta para Hogwarts, mas ela nunca chegou. A partir dos 18 se aventurou por diversos países como Inglaterra, França, Itália, Suíça, e EUA, onde teve a oportunidade de conhecer os atores de H. Potter.
    Suas aventuras chamaram a atenção de meios de comunicação como Folha de São Paulo, Estadão, TV Cultura e Disney Channel. Foi destaque da Revista Época, ao lado das escritoras Cassandra Clare e Alexandra Adornetto, e da rádio Record de Londres.
Atualmente é escritora em tempo integral e viciada em redes sociais. Jura já ter visto fadas e para acabar com a dúvida pretende continuar a escrever sobre elas.

Sobre a obra 

 
"Alguns jovens ganham presentes caros, passagens aéreas ou festas surpresa em seus aniversários de 18 anos. Melanie Aine ganhou o falecimento do pai, uma estranha tatuagem e a descoberta de que não era um ser humano. Como se tudo isso não fosse suficiente, Melanie ainda descobriu, por detrás da enevoada e mística cidade de Londres, um mundo fantástico que até poderia ignorar, se não fosse parte importante dele. Um legado que traz com ele diversas tragédias e problemas pessoais ao qual ela não espera se adaptar, mas não sabe se terá opção. A única parte recompensadora parece ser seu encontro com um homem misterioso, oriundo de uma família bruxa poderosa, cuja relação caminha em uma linha bamba e tênue que separa afeto e fúria. Um afeto que pode levá-la à transcendência e à vida eterna. Uma fúria que pode conduzi-la a morte e ao esquecimento. Dentre muitos feitiços, lutas, criaturas mágicas e eventos sobrenaturais, A Fada é uma história de descobertas e superações, sobre como o amor pode fazer várias pessoas redescobrirem a vida e a magia nela.



A entrevista

1- Quando você decidiu se tornar uma escritora?

R: Nunca planejei ser escritora. Eu sempre fui fanática por livros e já escrevia fanfics, mas só percebi que estava escrevendo um no capítulo três. Agora sou escritora e tenho muito orgulho da minha profissão.

2 - O que te inspira a escrever?

R: Qualquer coisa me inspira. Um fato diferente que aconteceu no meu dia, um filme novo, livro interessante, relação amorosa e até brigas familiares. O importante é se abrir para o mundo e absorver tudo de bom e até ruim dele, para assim se manter ativo na profissão.

3- O que te levou a escolher o tema do livro "A Fada"?

R: Em 2006 eu estava passando por uma fase de depressão e em uma noite tive um sonho com uma fada linda. Esse sonho se transformou em meu livro "A Fada". Foi como se alguém tivesse contado a vida daquela menina para mim. Então brinco que eu não escolhi as fadas, mas elas que me escolheram.

4- Como foi se aventurar nessa fantasia que o livro traz?

R: Foi uma experiência mágica. Eu sempre fico muito encantada com o processo da escrita. É como mergulhar em um outro mundo.

5- Você ficou satisfeita por escrever um livro que provavelmente faz muito sucesso entre os adolescentes e outras idades?

R: Se faz muito sucesso ainda não sei. rs Mas estou EXTREMAMENTE contente com o resultado do livro. É muito bom acordar todo dia com os emails lindos que recebo. Sinto-me bem em saber que uma frase minha possa ter tocado uma pessoa. Espero poder continuar nesse trabalho por muitos anos e quero sempre ter uma amizade bonita com meus leitores. Sem eles...não sou nada. Gostaria de aproveitar e agradecer os jovens, adultos e até crianças que estão me apoiando. Minhas vitórias são suas vitórias.

Essa foi a entrevista com a maravilhosa Carolina, escritora parceira aqui do blog, espero que tenham gostado , comentem e até a próxima.
Obs: por favor, aqueles que comentam, a barrinha de coméntarios está acima do post devido ao novo modelo do blog e não abaixo.
Avalie:
Postagens mais recentes Postagens mais antigas Página inicial
 

Teste Teste Teste Teste

Special offer

Contact us

Adicione-me!

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Siga por email

Quem escreve...

Minha foto
Apenas mais um humano que adora livros, filmes e séries // ama rock ´n roll // viciado em curtir os amigos... Estudante de informática. Um sonho? sonho em realizar meus sonhos.

Pesquisar aqui!

Copyright © 2014. 767 - Mais Template
Template ThemeXpose | Traduzido Por Mais Template